Manif, 2 de março

( ↓ 18 fotos ↓ )

O povo na rua quis manifestar o seu desagrado; muito baixinho… No fim, encontraram os Homens da Luta ( Jel e o irmão) a desafinar o Grande Zeca Afonso e começaram todos a cantar como se tivessem a ser filmados para os Apanhados.

Foi assim em Portimão.

Espero que no resto do país tenha sido diferente.

 

2-marco-portimao-13 2-marco-portimao-14 2-marco-portimao-15 2-marco-portimao-16 2-marco-portimao-17 2-marco-portimao-18 2-marco-portimao-1 2-marco-portimao-2 2-marco-portimao-3 2-marco-portimao-4 2-marco-portimao-5 2-marco-portimao-6 2-marco-portimao-7 2-marco-portimao-8 2-marco-portimao-9 2-marco-portimao-10 2-marco-portimao-11 2-marco-portimao-12

2 responses to “Manif, 2 de março

  1. Ainda falta convicção na alma, na voz, nos passos. Falta solidariedade, coragem. A resignação ainda tolhe os gestos de uma dor anestesiada, encoberta, prolongada. A vontade ainda não é real, o sofrimento insuportável. A união ainda não aconteceu, não se fez ouvir, sentir – reside apenas verdadeira dentro do coração de alguns defensores de Abril, tristes, dececionados, traídos por este presente desbarato.

Deixa o teu comentário

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s